CONECTADOS COM DEUS

SENHOR, por que estás offline para mim?
Permanecerás para sempre invisível?
Tua caixa de mensagem, Redentor meu,
Está cheia das minhas orações.

De madrugada, espero “Deus acabou de entrar”.
Não me deixes apertando F5 o tempo todo.
Podes chamar a minha atenção, ó Pai,
Quantas vezes forem necessárias

Pois, sem tuas atualizações,
O pecado espalha como vírus,
Contaminando as pastas da minha vida.
Tal spam, a tentação quer só um click.

Varredura faça em mim, Santo Espírito,
Delete da minha programação todo mal
E instale, como queres, as virtudes reais,
Pois das virtuais sei que estás cansado.

Louvado seja o programador da vida
Retwittem tudo que Ele postou
Pois os que curtem o que Ele escreveu,
Os que são seus amigos e o seguem,
Terão uma net que jamais cairá,
Uma rede de eterno descanso.

Essa poesia é de Fábio Américo, 26 anos, doutorando em História pela Unicamp.
Via ULTIMATO
@Casamulti

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: